A Crônica das Crônicas

Padrão

* Lênon Kramer é uma entidade suprema conhecida como “mestre de jogo” e faz suas aparições quinzenalmente aos sábados na White & Nerd.

 

Aventuras além da imaginação

Ok, galera.

Tão a fim de embarcar numa aventura? Que tal pegar um barco e explorar a Costa da Espada, perseguindo piratas e lutando contra monstros do mar? Ou então entrar numa máquina do tempo e viajar até a época dos dinossauros? Ou quem sabe ficar por São Carlos mesmo e participar de uma guerra épica pelo retorno da magia no nosso mundo? Que tal explorar ruínas antigas de um mundo que está renascendo, em busca de velhas profecias e novos deuses?

Então subam todos a bordo, Senhoras e Senhores, Elfos e Anões, Magos e Ladrões. Todos estão convocados para a Maiooor Aventuuura da Terraaaa.

“Como assim?”, me perguntam vocês. É simples. Começamos sentando ao redor de uma mesa, com alguns papéis na mão. Nesses papéis estarão escritas as informações dos seus personagens, geralmente um personagem para cada jogador. Além dos jogadores há o Narrador, que é quem vai organizar a aventura. Cada um interpreta seu personagem, exceto o narrador que interpreta todo o resto do mundo. Cada jogador pode fazer o que quiser com o seu personagem, desde que consiga. E quem diz se ele vai conseguir ou não são aquelas informações naquele papel, chamado ficha de personagem.

Exemplo: Júlio tem um personagem chamado Arthan de Veer (olha, que nome legal, acabei de inventar). Na frente de Arthan está um poço cheio de Lesmas Caóticas Espectrais (monstro legal) que o devorariam em minutos se ele caísse. Do outro lado do poço está um baú cheio de tesouros. Júlio diz: Arthan vai pular sobre o poço (depois de verificar se não dá pra simplesmente dar a volta, claro). Haverá na ficha do personagem alguma informação referente a saltar (que pode variar dependendo do sistema) e então Júlio lançará alguns dados (o teste clássico do RPG) e verificará se ele conseguiu saltar para a riqueza ou cair para… bem, a imaginação é de vocês.

Mas a maioria das coisas a se fazer não precisa de um teste de dados. Isso é só para questões como a que acabei de falar. Para coisas mais comuns, do tipo colocar a colher de doce na boca, ou conversar, ou ficar em pé, geralmente (!) não precisa de teste.

Então o Narrador guia a história, que pode ser qualquer uma que o grupo queira jogar. Existem sistemas de regras específicos para tipos específicos de histórias. Vou aqui dar uma resumida em alguns:

 

Dungeons and Dragons (ou D&D) – O RPG mais famoso de todos. Quem já assistiu Caverna do Dragão já está familiarizado com o cenário base: um mundo medieval com cavaleiros, magos, dragões, ladrões, orcs, itens mágicos, seres fantásticos e muita confusão. É inspirado em Senhor dos Anéis.

 

GURPS Supers – Sejam super-heróis que nem os de história em quadrinhos, com superpoderes e tudo o mais, num mundo moderno.

GURPS Iluminatti – Tem alguma coisa muito errada acontecendo no mundo (este nosso mundo). Há uma gigantesca conspiração mundial e temos que descobrir alguma coisa a respeito… e sobreviver.

GURPS Cyberpunk – Rede virtual, plugues na cabeça, chips na sua mão direita e um braço mecânico: bem-vindo ao cenário das próximas décadas de avanço tecnológico na informática e seja um hacker anarquista-libertário ou um assassino a mando de alguma mega-corporação, ou outra coisa qualquer.

Paranóia – A lei diz que todos devem ser felizes. Não seguir a lei é considerado traição. Traição é punida com morte. Você está feliz, cidadão?

Arkanum – É a Idade Média em nosso planeta, e existem magos. Os magos são caçados pela inquisição. Escolham seus lados nesta batalha épica.

Tormenta – Basicamente um cenário de fantasia medieval um pouco parecido com D&D: magos, monstros, guerreiros, paladinos e dragões. É um cenário totalmente desenvolvido no Brasil, desenvolvido “costurando” artigos e personagens da revista “Dragão Brasil”  numa verdadeira “colcha de aventuras”

 

Vampiro: A Máscara – Um jogo em que o monstro é VOCÊ. Você é um vampiro e precisa lutar com sua besta interior para manter o que resta de sua humanidade. Isso se conseguir primeiro sobreviver às intrigas da sociedade vampírica.

Mago: A Ascensão – Uma guerra milenar entre diversas ordens místicas assolou nossa história, porém ela terminou e teve um vencedor: a Ordem da Razão implantou uma realidade em que todos acreditamos na ciência e na tecnologia e os seres mágicos e fantásticos foram banidas do mundo – do nosso mundo. A magia está morrendo, os mundos fantásticos tiveram suas portas fechadas e você é um jovem mago perdido tentando se virar.

 

Pois é, isto é um convite, e é a sério. A White Nerd abrirá a partir deste mês um espaço para RPG na loja. Convoco todos a participarem. Estarei mestrando uma história de D&D a cada quinze dias, sábado sim sábado não. Se quiserem participar, é só aparecer!

 

* Nota do editor:  Você mestre de jogo que está sem grupo, procure a loja e agende sua mesa! Nosso espaço é de vocês!

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s