Dimensão Paralela: Os principais decks do Conflictus Aeternus parte 2

Padrão

Hoje vamos falar sobre um dos mons mais populares do Conflictus, o “Buscar”

Baseado na mecanica de luz que batiza o mons, ele consiste em trabalhar com os guerreiros que buscam outros e os colocam na mão. Essa vantagem de cartas permite acelerar o empilhamento progressivo e rapidamente ter um avatar gany ou um guerreiro igneo na mesa, colocando muita pressão muito cedo no jogo.

GUARDIÃO DAS MONTANHAS R$ 3,50

A lista básica:

2 FHAONNA

2 GUARDIÃO DAS MONTANHAS

2 MAGO ILUMINADO

1 ESPIRITO LEÃO

2 MONGE RECLUSO

1 LEGIÃO DE MONGES

2 AVATAR GANY

3 CONFUSÃO MENTAL

3 ILUSÃO

2 ADIANTAR

3 PENSEIRA

2 CHOQUE DE FORÇAS

1 REAVER

1 O MEDALHÃO

1 ANEL VULTANIANO

2 RENUNCIAR

2 AÇÃO INESPERADA

2 ARMAS SAGRADAS

2 FACA ESPECTRAL

14 FONTES DE LUZ

Reserva:

2 ANIQUILAR SONHOS

1 CHOQUE DE FORÇAS

3 ILUMINAR

1 TORMENTA

1 RENUNCIAR

A primeira coisa que devemos tomar nossa atenção é para a quantidade de compras e cartas que buscam nesse mons. Realmente, ele precisa que as cartas certas apareçam, e como você já deve fazer a Phaonna com duas fontes, é importante que não passe o primeiro parado, por isso temos 3 ilusão, 3 penseiras e 2 magos (para empilharmos a Fhaonna com 1 fonte livre)

Fhaonna-215x300

Uma das cartas mais importantes são as armas sagradas. Além do óbvio aumento nos atributos dos guerreiros, muitos se esquecem que, ao modificar o tombo, ela também modifica também os limites de busca da Fhaonna e do guardião da montanha. Logo, uma Phaonna que receba +1+1+1 pode buscar um guerreiro com tombo 2, enquanto um Guardião que receba +2+2+2 poderia buscar um Guerreiro Igneo! A adição de 2 Faca Espectral visa exatamente permitir que uma Fhaonna precoce busque um guardião das Montanhas imediatamente, agilizando assim o processo de empilhar do mons. Com os conjuntos estabelecidos, fica fácil estabelecer um looping agressivo com Avatar Gany + Ação Inesperada ou qualquer agressor + Armas Sagradas.

Armas-sagradas-215x300

Na reserva, temos tormenta e renunciar contra o mirror match, iluminar contra ghostir ação e aniquilar sonhos como receita de versatilidade e informação. O terceiro choque de forças é importante contra mons como “A muralha” e outros que abusem de amuletos.

 

Ponto forte: Velocidade e força. É muito dificil se recuperar a uma boa saída desse mons, e ele tem um plano de jogo extremamente consistente para a metade final da partida. Quando se domina bem as possibilidades e mecanicas contidas, fica realmente complicado qualquer recuperação.

Ponto fraco: Fragilidade e baixa versatilidade. Esse mons é quase irrefreável quando sua mecanica funciona, mas um renunciar bem encaixado pode causar a ruina do seu jogo. Recomeços segudos podem atrapalhar também, visto a baixa quantidade de fontes que o mons utiliza, embora seja muito dificil o azar pesar de forma significante.

Na parte 3 dessa série, falaremos sobre  “A Muralha” o mons mais chato do momento!!

Até a próxima!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s